Como reativar e voltar a pagar o consórcio?

06 de abril de 2019 / blog

Como reativar e voltar a pagar o consórcio?

É possível que, mesmo com todo o planejamento e cuidado, seja necessário, em algum momento, se excluir de um consórcio. Essa é uma situação delicada e que ninguém deseja, mas pode acontecer. Deixar de ter uma cota de consórcio significa que aquele sonho no qual estava investido será pausado por tempo indeterminado.

 

Da mesma forma como acidentes acontecem e pessoas param seus consórcios, acontece dos problemas serem resolvidos. É natural, então, querer voltar para o consórcio e, mais uma vez, tentar realizar o sonho de uma aquisição.

 

A chamada reativação de cota de consórcio é possível, mas para conseguir é essencial conhecer algumas coisas. Acompanhe e saiba como fazer para voltar a pagar seu consórcio e ser contemplado.

 

Exclusão de cota: saiba como acontece

 

Parece forte dizer dessa maneira, mas excluído é o termo oficial, utilizado pelo Sistema de Consórcios. Excluídos são pessoas que deixaram de fazer parte de um grupo de consórcio.

 

Existem duas formas de se tornar um excluído. A primeira e mais correta é o consorciado, percebendo problemas financeiros, pede à administradora que o exclua do grupo. A segunda, mais problemática, é a exclusão em decorrência de inadimplência.

 

Pessoas inadimplentes, aquelas que deixam de pagar as parcelas de sua cota dentro de um prazo estabelecido pela administradora, são automaticamente excluídas do grupo. Antes de ser excluído, durante o período de inadimplência, o consorciado não pode concorrer a contemplação por sorteio ou lance, voltando apenas após a exclusão.

 

Sim, o excluído tem o direito de tentar a contemplação, mas apenas por sorteio. Caso seja contemplado, não receberá o valor total, mas apenas o que já havia sido pago até o momento da exclusão.

 

É importante destacar que ele não receberá o valor integral investido. A taxa de administração, seguro e fundo de reserva não são devolvidos. Assim, o que ele recebe são os valores referentes ao fundo comum, do qual é descontado o valor da multa por quebra de contrato.

 

Como reativar minha cota de consórcio?

 

Para reativar a cota é essencial entrar em contato com a administradora. Ela irá verificar as possibilidades do retorno considerando, primeiro, se existem vagas naquele grupo ou se a cota da qual foi excluído foi ocupada por outra pessoa.

 

Como reativar e voltar a pagar o consórcio

 

Ainda que exista a vaga, é necessário, antes de retornar, passar pela análise financeira. Como pessoas excluídas são retiradas ou se retiram do grupo por problemas financeiros, a administradora verifica se você terá capacidade de pagar pela cota.

 

Uma vez que exista uma vaga e você seja aprovado, é possível colocar as contas daquela cota em dia e voltar para o consórcio. Quando falamos em colocar as contas em dia, nos referimos aos juros e multas das parcelas atrasadas no período em que a sua cota ainda era ativa.

 

O valor das parcelas atrasadas não precisa ser pago no momento de voltar para o consórcio. Ele pode ser diluído nos meses que restam entre a sua volta e o encerramento do grupo. É importante lembrar que você não zera os prazos quando volta, continua dependente do que o contrato do grupo prevê.

 

Voltando a pagar o consórcio

 

Para voltar a pagar o consórcio é preciso, primeiro, saber em que condição você se encontra. A administradora te informa se você ainda é apenas inadimplente ou se já foi excluído do grupo. A diferença existente entre as duas situações é a exigência, para excluídos, em verificar, primeiro, se ainda há vaga no grupo. O inadimplente, por outro lado, ainda tem sua vaga ali, apenas não está sendo paga.

 

Verifique o valor que você está devendo, o que são juros e multas, que deverão ser pagos na hora de voltar, e qual será o novo valor de parcela, com a diluição do valor das que estão atrasadas.

 

Se couber no seu orçamento, houver vaga e você for aprovado pela administradora, basta pagar as mensalidades normalmente e esperar a contemplação.

 

Mais Dicas Pra Você

Consórcio: como funciona?

Consórcio: como funciona?

Consórcios são uma das maneiras mais buscadas de conquistar bens e serviços. Casa própria, carro na garagem, viagem dos sonhos, esses são apenas alguns objetivos que levam pessoas a buscar por eles. Conheça o consórcio e saiba como ele pode te ajudar a adquirir bens e serviços de maneira simples e acessível.

Consórcios: como participar?

Consórcios: como participar?

Consórcios são, hoje, uma das principais formas de adquirir bens e serviços, ampliando patrimônios e realizando desejos com flexibilidade. Por meio de um grupo de consórcio, é possível parcelar integralmente um bem, servindo como uma poupança para compra. Descubra o que é necessário para fazer parte de um grupo de consórcio.

O que é a carta de crédito?

O que é a carta de crédito?

Consórcios funcionam com base em pagamentos de parcelas e são a maneira mais simples de adquirir bens e serviços atualmente. Com a contemplação, o consorciado passa a ter acesso à carta de crédito. Mas o que é ela, exatamente? Veja aqui tudo o que precisa saber.

Como o consórcio contemplado pode ser utilizado?

Como o consórcio contemplado pode ser utilizado?

Muitas pessoas não buscam por consórcio por não saberem, exatamente, que tipo de aquisições podem ser feitas com eles. Conheça os tipos de consórcio existente e saiba qual buscar para adquirir o que você deseja.

Consórcio contemplado: como comprar?

Consórcio contemplado: como comprar?

Se participar de um consórcio já é lucrativo para os consorciados, a compra de cotas já contempladas pode ser uma oportunidade única. A compra de cartas de crédito contempladas é uma opção ainda melhor. Oferece todos os benefícios de um consórcio, mas com o valor já disponível para uso.

Contemplado São Paulo © 2011 - 2021 | Marketing Digital por SunsetWeb

Fale com nosso atendimento

Clique para chamar no WhatsApp